domingo, 17 de maio de 2009

CRASCH NO LIMITE E CURRÍCULO.

O professor Ivan nos propos assistir alguns filmes e articular com a leitura feita do texto "currículo", sendo assim escolhi o fime Crasch no limite. Apresentarei a sinopse:

Sinopse
Uma dona de casa e o seu marido procurador de Justiça. Um dono de uma loja. Dois detetives que também são amantes. Um diretor de televisão afro-americano e a sua mulher. Um serralheiro mexicano. Dois ladrões de automóveis. Um polícia recruta. Um casal coreano de meia-idade... Todos vivem em Los Angeles e durante as próximas 36 horas, irão todos entrar em colisão.





Através da visualização do filme CRASCH NO LIMITE, o qual consegue ser eficiente em mostrar o racismo e preconceito em diversas ramificações (brancos contra negros contra latinos contra árabes e preconceito social) e analisando como deve ser elaborado o currículo escolar, concluo que o currículo não deve ser laico, mas sim multicultural, a fim de não privilegiar uma única cultura, mas trabalhar todas de modo que os alunos não tenham somente a visão da cultura dominante como o padrão, mas que aprendam a respeitar e conviver com as diferenças para que dessa forma o preconceito, o racismo a xenofobia sejam extintos, assim deve ser a escola que pretende ser democrática e inclusiva.
Ao contrário disso, a escola vem contribuindo para a formação de uma sociedade preconceituosa e racista à medida que vem igualando todos os seus alunos, padronizando o seu comportamento e atitudes, ou seja, impedindo a diferença.

Um comentário:

  1. Você iniciou a reflexão... Infelizmente, ela se apresenta de forma muito superficial. Sugiro que acrescente elementos de análise do filme, detalhando aspectos de sua narrativa e abordando as análises que se inserem na perspectiva de construirmos um currículo dinâmico em nossas escolas de forma a efetivar mudanças nos valores, nas atitudes, nas relaçoes entre as pessoas. Articular os aspectos da película com o texto lido corrobora para uma percepção mais elaborada e mais profunda do fazer cotidiano na sala de aula. É importante que vocË aprofunde o seu olhar analítico dos referenciais teóricos e suas relações com a realidade social concreta. Pense: de que forma um currículo desenvovlido em sala de aula pode contribuir para superar preconceitos? como o professor pode trabalhar conteúdos de forma a alterar atitudes egoístas, não solidárias, não fraternas nas relações sociais, culturais, etc? como o professor pode contribuir para superar este quadro de preconceitos, de exclusão, de marginalização de determinadas camadas sociais da população? Reflita...

    ResponderExcluir